SAIBA MAIS

Quem promove o projeto “Bebidas+Circulares”?

É promovido pela Águas Minerais e de Nascente de Portugal (APIAM), Associação Portuguesa de Empresas de Distribuição (APED) e Associação Portuguesa das Bebidas Refrescantes Não Alcoólicas (PROBEB).

Qual a duração deste projeto?

O projeto está em funcionamento desde o dia 25 de novembro e tem uma duração aproximada de 12 meses.  O projeto poderá sofrer uma evolução ao longo deste período em função dos objetivos a atingir.

É uma evolução do projeto-piloto já existente no país?

São projetos distintos, mas que contribuem para o mesmo objetivo: incentivar os cidadãos a adotarem comportamentos sustentáveis, para que o material recolhido seja reciclado e incorporado como matéria-prima na produção de novas garrafas de bebidas, e preparar a implementação do futuro sistema de depósito de embalagens de bebidas.

O projeto “Bebidas+Circulares” vai decorrer apenas no concelho de Lisboa.

Quais os objetivos que pretende atingir?

A iniciativa aponta para a recolha de 2,5 milhões de embalagens e a recolha de 50 toneladas de plástico para reciclagem.

Que tipo de embalagens posso depositar nas máquinas?

O projecto prevê o depósito de embalagens de plástico PET, latas não reutilizáveis e vidro, de acordo com a seguinte distribuição:

PET+LATAS

Auchan Amoreiras
Continente Bom Dia Restelo
Continente Alto do Lumiar
El Corte Inglés – Supercor Restelo
Lidl Penha de França
Pingo Doce João Saraiva
Pingo Doce Graça
Pingo Doce Olivais Oriente

PET+LATAS+VIDRO

Continente Lisboa Marechal
Pingo Doce Telheiras
Mercado de Benfica

Por que razão só é possível depositar embalagens de vidro em três locais?

Este projeto pretende ser uma experiência-piloto para preparar o futuro sistema de depósito de embalagens de bebidas, que deverá arrancar em 2022. Como tal, o teste relativamente à devolução de embalagens de vidro decorrerá num conjunto mais circunscrito de locais para avaliar o seu funcionamento e logística associada.

A quem se destina o donativo atribuído nas máquinas?

Os donativos angariados revertem a favor da Associação Mais Proximidade Melhor Vida, de apoio a população idosa a viver na grande Lisboa, e da Ajuda de Berço, instituição que apoia bebés e crianças desprotegidas.

Qual o papel da Câmara Municipal de Lisboa no projeto?

Para além de ser parceira do projeto, que integra a iniciativa “Lisboa Capital Verde Europeia 2020”, a Câmara Municipal de Lisboa assegura a recolha dos resíduos de embalagens de plástico PET, metal e vidro a partir dos locais de devolução e o seu transporte até à Valorsul – Valorização e Tratamento de Resíduos Sólidos das Regiões de Lisboa e Oeste, SA., para posterior encaminhamento para reciclagem.

Qual o valor dos talões de desconto que se pode receber?

O valor devolvido por cada garrafa depositada varia entre €0,02 para garrafas e latas entre 0,1 e 0,5 litros e €0,05 para garrafas acima de 0,5 e até 2 litros.